Elena Garro é uma das grandes da literatura mexicana, fundamental para compreender uma das literaturas mais importantes do mundo. "As Lembranças do Porvir" (1963), escrito quatro anos antes de "Cem Anos de Solidão", é considerado o início do Realismo Mágico, o gênero que marcou toda a América latina durante os anos 60 e 70. Garro rechaçava o gênero, dizia que era apenas um rótulo para aumentar as vendas. Entre seus temas mais comuns estão a marginalização das mulheres, o racismo e a liberdade política. "As Lembranças do Porvir" fala sobre um pequeno povoado mexicano que é dominado de forma cruel e sanguinária pelo general Francisco Rosas e seus homens. Uma história de resistência e violência, porém acima de tudo de amor e de como em meio ao horror e a crueldade o amor seja o sentimento mais forte, mesmo que nem sempre isto seja uma coisa boa. Elena Garro e toda sua fundamental obra estavam inéditos no Brasil.

244p.

As Lembranças do Porvir

R$64,90Preço
  • Autora

    Elena Garro

  • Tradução

    Iara Tizzot

  • ISBN

    9788560499854

0
  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon

©2016 por Mateus Trevisan